» Leia mais"/> » Leia mais">

Maria Adelaide Amaral

Maria Adelaide Amaral nasceu em Portugal e veio para o Brasil com 12 anos. Dramaturga e romancista, formada em jornalismo, trabalhou na Editora Abril de 1970 a 1986. Entre suas peças mais importantes, estão Bodas de Papel, O Abre-alas, De Braços Abertos e Minha Querida Mamãe, todas ganhadoras do Prêmio Moliére. Estreou na televisão em 1990, como co-autora das novelas Meu Bem, Meu Mal, Anjo Mau e A Próxima Vítima. Outros de seus sucessos são as minisséries A Muralha, Os Maias, A Casa das Sete Mulheres e Um só Coração. Em 1986 publicou o romance Luísa Quase uma História de Amor, ganhador do Prêmio Jabuti. Escreveu, também pela Editora Globo, Aos Meus Amigos, Dercy de Cabo a Rabo, O Bruxo e Tarsila. Seu último trabalho na TV foi a minissérie JK.

Livros em destaque