» Leia mais"/> » Leia mais">

Lúcia Fidalgo

Começou a trabalhar com literatura infanto-juvenil em 1989. Tem no currículo atividades sempre voltadas à leitura e educação. É contadora de histórias, bibliotecária, escritora, mestre em educação, professora da Universidade Federal Fluminense e da Universidade Santa Úrsula. “Um país se faz com homens e livros”, dizia Monteiro Lobato. “Com homens, livros e bibliotecas”, completou Lúcia Fidalgo, quando era a diretora do Departamento Geral de Bibliotecas do Estado do Rio de Janeiro, em 2002, resumindo a filosofia de toda uma galáxia de instituições governamentais, professores, intelectuais e especialistas atentos à difusão do livro e da leitura como fator coletivo – e, na medida do possível, popular – de crescimento pessoal e desenvolvimento nacional no Brasil.

Livros em destaque